Arquivo da categoria: Fest Bossa & Jazz

FEST BOSSA & JAZZ CONFIRMA MOSSORÓ COMO PRIMEIRA CIDADE DO  CIRCUITO 2017

POR G7 COMUNICAÇÃO

A Cidade Junina vai ser palco do maior Festival de jazz, bossa e blues da região Nordeste pelo segundo ano consecutivo, com a realização do Fest Bossa & Jazz 2017, e Mossoró/RN, será a primeira a receber o evento este ano. A confirmação foi anunciada por Juçara Figueiredo, idealizadora e produtora do evento, após concretizar apoio da Prefeitura Municipal de Mossoró e Governo do Estado do Rio Grande do Norte.

A primeira edição do Fest Bossa & Jazz aconteceu em 2010, em Natal/RN, passando a ser um dos mais importantes eventos dentro do calendário cultural anual do Estado. Já a partir de 2011, expandiu sua música para a paradisíaca Praia da Pipa, no Litoral Sul e, em 2015, tornou-se Circuito chegando até São Miguel do Gostoso, no Litoral do Leste Potiguar.

O Festival promove intercâmbio entre nomes consagrados e novos expoentes da música local, nacional e internacional por meio de shows e Jam Sessions. Com programação diversa, o Fest Bossa & Jazz também assume o lado da responsabilidade social através de oficinas socioambientais, palestras e workshops para músicos e estudantes. Todo o acesso é gratuito.

Anúncios

RETROSPECTIVA DO CONTADOR: 2016, O ANO DAS MUDANÇAS!

Política, entrevistas e grandes coberturas agitaram o Contador em 2016, confira:

POR AILTON RODRIGUES E RICARDO ANDRÉ
SÃO MIGUEL DO GOSTOSO/RN

Em 2016 o Contador atingiu um patamar de grandes realizações e a consagração da confiança do público com o nosso conteúdo.

Tivemos grandes coberturas de eventos, recebemos algumas críticas, mas foram o combustível para que sigamos com nosso maior hobby que é o de informar e entreter você. Contamos com sua companhia em 2017, mas agora veja o que você mais viu no nosso blog durante este “interminável” ano:

JANEIRO: TORNEIO DO TOURINHO É CESSADO

Acompanhamos o jovem Naftaly na sua jornada pela Copa SP de Futebol Júnior, apesar dele não ter avançado com a equipe para a fase mata-mata da competição surgiram propostas de emprego em outros grandes clubes do futebol nacional.

Também vimos o drama do Torneio do Tourinho que foi cessado pela polícia, além disso prestigiamos a passagem da imagem de Nossa Senhora Aparecida por Gostoso.

FEVEREIRO: DICAPRIO LEVA O OSCAR

Dois assuntos foram os cargos chefe de repercussão no Contador: primeiro a grande quebra de um tabu que foi o Oscar de Leonardo DiCaprio e segundo a perca de 16 milhões de reais por uma obra de saneamento em Gostoso.

MARÇO: SHOW DA PAIXÃO DE CRISTO

O mês de março começou com o problema da falta dos materiais dos agentes de endemias do município, que foi sanado. Mas o grande destaque foi a belíssima encenação da Paixão de Cristo que agitou e emocionou São Miguel do Gostoso.

ABRIL: DESPEDIDA DE UM AMIGO

O FliGostoso chega como o mais novo evento cultural da cidade, excelentes atrações, porém com a produção ainda desfocada do público local. No esporte o Ginásio Poliesportivo “Carlitão” reabriu seus portões após quase dois anos (e seis visitas desta equipe) e a AGOKS partiu para Salvador/BA voltando com nove medalhas e vagas para final do Campeonato Brasileiro de Karatê em São Paulo/SP.

Abril também foi de triste. O episódio do desaparecimento do gostosence Djalmir Ricardo, teve um desfecho trágico, quando  o corpo do jovem foi encontrado no Ceará. O Conselho Municipal de Saúde denunciou a situação de descaso com a Saúde em Gostoso; além dos problemas recorrentes com o transportes de estudantes os universitário os estudantes de ainda tiveram que encarar atentados na BR-101.

MAIO: SEM CRISE

Foi um mês de Guerra Civil (o filme) e o O Contador de Causos abalou as estruturas da política local com a divulgação dos 6,7 milhões arrecadados pela Prefeitura de São Miguel do Gostoso, que alegava estar em crise, a noticia repercutiu na maioria dos blogs do RN.

O mês foi marcado também pela  volta do Fest Bossa & Jazz a São Miguel do Gostoso de forma mais “suave”, que sem tantas restrições garantiu um publico superior a 2015.

JUNHO: MARATONA DE ARRAIAIS

Novo conflito entre “nativos” e moradores recém chegados tem inicio com o cercamento do campo de futebol de areia do Maceió, um sinal do que ainda estava por vir. Também foi mês de discussão do Plano Diretor e da realização da 6ª Conferência das Cidades.

Durante as festas juninas Gostoso presencia a proliferação de arraiais nas principais ruas da cidade, uma verdadeira maratona de festas. Falando em festa, o Prêmio CDHEC 2016 reuniu no mês de Junho os principais agentes sociais do município em um grande evento.

Junho foi o inicio do drama dos estudantes por transporte: falta de combustível, de manutenção dos veículos e de gestão.

JULHO: MUITA TENSÃO

O conflito de entre “nativos” e “estrangeiros” se acirra com protestos nas ruas durante a festa de emancipação. Quatros membros do O Contador de Causos de manifestam contra o pivô dos conflitos.

No esporte tivemos o primeiro evento de MMA da cidade, e a cobertura dos eventos esportivos da semana de emancipação.

Foi dada inicio a cobertura das eleições 2016 com o perfil do eleitorado gostosence e a primeira convenção do período eleitoral.

AGOSTO: BALEIA ENCALHADA E FALSA MISS

A principal pauta de agosto foram as Eleições 2016 que você acompanhou comício a comício no Contador. Mas teve muito mais, inclusive uma falsa Miss Gostosense, e a baleia que encalhou na Praia do Tourinho, duas matérias que repercutiram em todo estado.

Durante agosto se agravou a situação do transporte escolar chegando aos distritos, enquanto isso os estudantes universitários acabaram fazendo “vaquinha” para pagar o combustível, culminando em protestos nas ruas, na sede da prefeitura e na Câmara.

Teve também Pokemon Go, é claro!

SETEMBRO: CORDÃO AZUL E CORDÃO VERMELHO

Se intensifica a disputa entre o “azul” e o “vermelho”, com acusações nas redes sociais e revelação de servidores fantasmas. O Facebook se torna um território hostil.

Crise na educação provoca cancelamento do desfile cívico, e continua o drama do transporte escolar. Prefeita faz acordo com Ministério Público mas resultados não vêm, o resultado do IDEB se contrapõe à realidade da educação.

Setor Cultural tenta se articular para 2017 com a instituição do Sistema Municipal de Cultura.

OUTUBRO: EDUCAÇÃO É ESQUECIDA

Último episódio das Eleições 2016 com a vitória de Renato de Doquinha (PSD) sobre Miguel Teixeira (PR).

Quem achou que depois dessa teríamos um outubro tranquilo, se enganou, na primeira semana um decreto demite 287 servidores públicos. Crise da educação chega a seu ápice, nem o Ministério Público deu jeito.

Cultura e esporte ignoram a crise e seguem em frente com a Expartec, a AGOKS na última etapa do Campeonato Brasileiro de Karatê e o 2º Open Gostosense de Karatê. O CDHEC elege novo presidente que já chega tendo que encarar dois grandes desafios, Mostra de Cinema e Auto de Natal.

O Projeto Retrato da Comunidade segue on-line através do O Contador de Causos.

NOVEMBRO: A ESPERA DO FIM (DE 2016)

2016 não foi fácil para ninguém, a 4ª Mostra de Cinema de Gostoso é cancelada por falta de recursos. Para salvar o Auto de Natal, começa a campanha do Auto Solidário.

A gestão democrática chega as escolas gostosenses sem muito entusiasmo e com poucos candidatos, mas seguiu tranquila.

DEZEMBRO: NÃO FALTA FESTAS

É inaugurada na nova sede da Câmara de Vereadores, a nova Prefeitura ficará para depois.

O meio ambiente agrade, com a criação da cooperativa para coleta seletiva. O Auto de Natal (Auto Solitário) se firma e emociona o público em apresentação única.

Para encerrar tivemos as repercussões do Réveillon Gostoso, eventos para “ricos” e “pobres”, celebridades circulando na cidade e muito pouco do que se prometeu.

Ufa!… O Contador de Causos deseja a todos seus leitores um feliz e prospero 2017.

APÓS NATAL, FEST BOSSA & JAZZ ARRASTA MULTIDÃO NA PRAIA DE PIPA

Entre as atrações, Nino Costa, Mestrinho e Lenine a convite da SESI Big Band.

POR G7 COMUNICAÇÃO
PRAIA DE PIPA/RN

Público da primeira noite na Pipa - Foto Bruno Póvoa
Público em Pipa.

Imaginar, fechar os olhos e deixar os ouvidos em sentido pleno. Agora, ouça as ondas sonoras da paradisíaca Praia da Pipa com a chegada do Fest Bossa & Jazz – Circuito 2016, na sua 2ª etapa. Depois de dois dias na capital potiguar, o Festival chega a Pipa e segue até o dia 28. No primeiro dia, 26, dividiram o palco: Nino Costa, vencedor do Novos Talentos do RN; o acordeonista Mestrinho e a SESI Big Band com seu ilustre convidado, Lenine.

Lenine e a SESI Big Band
Lenine e SESI Big Band.

Para quem conseguiu chegar cedo na noite da sexta-feira (26), pôde prestigiar a passagem de som da SESI Big Band e Lenine criando aquela boa expectativa no público.

“Estamos aqui desde cedo e viemos exclusivamente para o Fest Bossa & Jazz. Já é a minha segunda vez e aguardo ansiosamente pelas edições e os grandes shows oferecidos. É uma oportunidade sensacional para se consumir música de alta qualidade. Este é um evento certo na minha agenda”, expressou a empresária paraibana, Natália Pessoa.

Nino Costa - Bruno Póvoa.
Nino Costa.

O estreante da primeira noite foi o guitarrista e violonista Nino Costa, que apesar de já ter passado várias vezes pelo Festival, esta foi sua primeira apresentação solo. “Fiquei muito feliz em ter participado do edital Novos Talentos do RN e, o melhor, ter sido um dos selecionados e poder tocar em um Festival como esse”, disse Nino Costa.

Mestrinho - Foto Bruno Póvoa
Maestrinho.

E, para àqueles que achavam que o forró e o samba não poderiam se misturar ao jazz, o sergipano Mestrinho chegou para mostrar exatamente o contrário. O acordeonista abrilhantou o palco com composições próprias e releituras, enraizadas de brasilidade e grandes doses de jazz, sendo acompanhado por um coro singular do público entoando “Estou de volta pro meu aconchego…” (canção marcada na voz de Elba Ramalho) e “Tô com saudade de tu, meu desejo…” (composição de Nando Cordel e Dominguinhos).

Finalizando o primeiro dia de apresentações no Palco Principal na Praia da Pipa, a magia da SESI Big Band com o pernambucano Lenine, que arrasta multidões, não fazendo diferente com o os amantes do Fest Bossa & Jazz. Avassalador, Lenine chegou e avisou para que veio. Com simpatia e carisma, o artista envolveu as pessoas de todas as idades em uma energia contagiante. Como terceira voz, o público cantou junto músicas como “O Silêncio das Estrelas”, “Jack Soul Brasileiro”, “Aquilo que dá no coração”, entre outras. “O clima desse evento é excelente, sensacional. Estou aqui pela primeira vez, mas voltarei todas as outras, com certeza”, falou Nara Freitas de Recife. E, para manter a tradição, a festa terminou com a Jam Session no Ágora Lounge.

Jam Session - Foto Bruno Póvoa
Jam Session já virou marca do Fest Bossa & Jazz.

Mas, não acabou por aí, hoje (27) tem muita programação. Durante o dia, acontecem duas sessões da oficina de construção de instrumentos musicais com materiais recicláveis e o workshop de Canto com Cris Delanno, cantora carioca integrante da Bossacucanova que sobe ao palco logo mais às 21h30. Tanto as oficinas quanto o workshop ocorrem na Galeria Canto da Pipa.

Sunset_27.08_Pipa
Novidade nessa edição: a Sunset Sessions!

Uma novidade desta edição são as SUNSET SESSIONS que rolam neste sábado no palco Praça dos Pescadores, tendo como atrações: Tamareando com Sérgio Groove e Yrahn Barreto (RN), às 16h, e Marco da Costa (RN) com Live Foyn Friis (Noruega), às 17h. A partir das 20h, voltando para o palco principal, Mad Dogs convida Chico Chico (filho da Cássia Eller), Julia Vargas e Rodrigo Garcia. Às 21h30, o grupo carioca Bossacucanova e às 23h, o austríaco autodidata Raphael Wressnig que promete uma enérgica performance.

O Festival conta com o patrocínio da Cosern – Grupo Neoenergia e Oi através do Governo do Estado do Rio Grande do Norte pela Lei Câmara Cascudo com apoio cultural da Oi Futuro, Cyrela Plano & Plano, SESI Sistema FIERN, Luck Receptivo, parceria do SESC Sistema Fecomércio, Castelo Casado – Iluminações e Estrutura e promoção da Inter TV Cabugi. A realização fica por conta de Juçara Figueiredo Produções, Secretaria de Turismo do Governo do RN, RN Sustentável e Emprotur através do Banco Mundial.

FOTOS: Bruno Póvoa

PRÉVIAS FEST BOSSA & JAZZ TÊM INÍCIO PRÓXIMA SEMANA EM NATAL

As prévias farão parte das seletivas do edital “Novos Talentos do RN”.

POR G7 COMUNICAÇÃO

fest 7
Jam Session abriu evento em Gostoso .

Chegou o mês de agosto e para quem pensa que esse é o mês do desgosto, aí vai uma dica para deixar esse ditado de lado. Neste mês acontece a segunda etapa do Fest Bossa & Jazz – Circuito 2016 em dois lugares paradisíacos: Natal (24 e 25) e Pipa (26 a 28). E, para aquecer, a partir da próxima semana a organização do evento dá início às tão esperadas “Prévias Fest Bossa & Jazz” – de 11 a 13 e de 18 a 20 de agosto.

São seis dias de aquecimento até o maior Festival de Jazz gratuito do Nordeste. Durante as prévias, a musicalidade e o ritmo do evento adentram em três badalados locais de Natal: Trio – Food, Drinks & Music; Dom Vinícius e Wesley’s Bar. A novidade é que as prévias farão parte das seletivas do edital “Novos Talentos do RN”, concurso que selecionará duas bandas e/ou artistas para tocarem nos palcos do Festival, sendo um em Natal e outro em Pipa. Fique atento as datas e participe!

O Fest Bossa & Jazz conta com o patrocínio da Cosern – Grupo Neoenergia e Oi através do Governo do Estado do Rio Grande do Norte pela Lei Câmara Cascudo com apoio cultural da Oi Futuro, Cyrela Plano & Plano, SESI Sistema FIERN, Luck Receptivo, parceria do SESC Sistema Fecomércio, Castelo Casado – Iluminações e Estrutura e promoção da Inter TV Cabugi. A realização fica por conta de Juçara Figueiredo Produções, Secretaria de Turismo do Governo do RN, RN Sustentável e Emprotur através do Banco Mundial.

Prévias Fest Bossa & Jazz – Circuito 2016

11/08 – Dom Vinícius

12/08 – Trio – Food, Drinks & Music

13/08 – Wesley’s Bar

18/08 – Dom Vinícius

19/08 – Wesley’s Bar

20/08 – Trio – Food, Drinks & Music

SEGUNDA NOITE DE BOSSA & JAZZ TEM CLÁSSICOS, BANDA, INSTRUMENTAL E BOM PÚBLICO

Pousada Gostoso Village banner

Leila Pinheiro foi o grande destaque da última noite de atrações, público foi maior que na noite anterior.

POR AILTON RODRIGUES
PRAIA DA XÊPA, S.M. DO GOSTOSO/RN

Leila Pinheiro e Roberto Menescal foram a grande atração da noite (Foto: Oswaldo Neto).

A segunda e última noite do Fest Bossa & Jazz neste sábado (28) foi marcada pela interpretação vibrante de Leila Pinheiro com seu convidado Roberto Menescal. Juntos eles já haviam feito algumas obras e o reencontro deles nas areias de Gostoso foi espetacular, os clássicos de Renato Russo, dentre outros gênios da MPB fizeram todos cantarem junto.

O público foi maior do que na primeira noite, mas não chegou a cinco mil, como divulgaram alguns veículos de imprensa, porém eles foram vagarosamente deixando o espaço com o desenrolar da noite e já próximo da 0h30 tinham menos de mil espectadores.

Diego Brasil foi o primeiro a subir no Palco Gostoso Jazz, na mescla entre músicas cantadas e apenas com instrumental, Diego mostrou talento. Ao lado de Silvio Franco (bateria) e Erick Firmino (baixo), apresentaram um repertório quase que totalmente autoral e cheio de influências.

_DSC0687
Leila Pinheiro (Texto: Ariclenes Silva)

A última atração foi a banda potiguar Moby Dick que convidou o gaitista Flávio Guimarães, juntos fizeram o povo dançar com canções cheias de energia e uma mistura de ritmos que agradou: tinha country, blues, jazz, dentre outros.

O balanço geral do evento no município foi positivo, a organização conseguiu trazer boas atrações e percebeu que é melhor ser harmonioso com os nativos do que chegar simplesmente impondo restrições por que “comprou um pedaço de terra”.

O POVO NÃO SÓ CURTIU

Alguns moradores de Gostoso resolveram externalizar a sua participação no evento por meio das redes sociais. Confira alguns posts:

post fb 4
Fagner Pereira curtiu o evento com amigos.
post fb 3
Jaildo Torres elogiou o evento.
post fb 2
Cristiano Nunes apenas registrou sua participação.
post fb 1
Keke Pinheiro mostrou suas amigas.

O Contador está de olho em tudo que agita o município. Até qualquer hora!

EM NOITE ANIMADA, FEST BOSSA & JAZZ SUPERA PRIMEIRA EDIÇÃO E BOAS ATRAÇÕES AGRADAM

Cantor americano impressionou com qualidade musical, outro destaque foi a presença dos nativos e dos ambulantes.

POR AILTON RODRIGUES.
PRAIA DA XÊPA, S. M. DO GOSTOSO/RN.
FOTOS: ROGÉRIO VITAL.

A primeira noite do Fest Bossa & Jazz em São Miguel do Gostoso nesta última sexta-feira (27) definitivamente superou toda a edição do ano passado, desta vez todos puderam ir a Praia da Xêpa (inclusive os ambulantes) e prestigiaram um grande show dos artistas que subiram ao palco.

Aliás, até a posição do palco chamou a atenção, desta vez toda a estrutura foi colocada de forma vertical em relação ao ano passado, ou seja, todos que chegavam na entrada da praça já podiam ver as atrações. No ano anterior ele foi colocado de forma horizontal em relação a quadra de esportes.

O Contador também observou outros detalhes, confira:

ANIMADOS E ESSENCIAIS

street band
Os fofos músicos da Street Band.

Os músicos da Bossa & Jazz Street Band são animados, não perdem o pique e são fundamentais na estrutura do evento. Com muito carisma, além de conduzir o cortejo que trazia o público à praia eles preencheram as lacunas entre as atrações. Não deixaram a peteca cair e foram uma atração à parte.

AINDA FALTA AQUELE 1%

Público
Bom público na primeira noite de evento.

Apesar disso, a falta de hábito dos nativos com os ritmos trazidos no evento também é marcante, as pessoas chegam, ouvem um pouco e vão embora. Uma frase dita por um dos presentes, durante a performance da última atração sintetizou o motivo:

“Não é a questão de ser Jazz ou Forró, se for animado o povo fica”, relatou.

A prova disso foi justamente que durante as atrações mais “agitadas” não houve tanta saída de nativos, inclusive até curtiram. Mas como disse anteriormente, é uma questão de hábito.

Já é um avanço, se considerarmos que no ano passado houve um boicote deles com o evento, por causa da exclusão da comercialização dos ambulantes na praia, problema que foi sanado em 2016.

CANTOU SEM ESFORÇO (QUE INVEJINHA…)

Dani Cruz
Cantora potiguar Dani Cruz foi bem na abertura do Fest em Gostoso.

A cantora potiguar Dani Cruz foi a primeira a cantar na edição do Fest em Gostoso, as músicas fortes e sua voz belíssima foram as credenciais. O show teve todas as canções com composições femininas, que contribuíram com a desenvoltura e energia da cantora. As interpretações de “Samba de Mulher” de Joyce Moreno e “Tá tudo certo” de Tânia Maria, por exemplo, foram singulares e deslumbrantes.

Super animada ela apresentou os componentes da sua banda umas quatro vezes, mas nada que impedisse o público de aplaudir em todas as suas solicitações, afinal Nino Costa (guitarra), Daniel Ribeiro (baixo) e Anderson Melo (bateria) também fizeram um grande trabalho.

SENTA E RELAXA

Hamleto, Paulinho, Liz e Leo
Hamleto, Paulinho, Liz e Léo (esq. pra dir.). 

A sensação ao ouvir o pianista Hamleto Stamato com seu convidado Paulinho Trompete foi de desacelerar. Era uma atração quase que totalmente instrumental para que você sentasse e curtisse com um bom bate-papo ou simplesmente bebendo uns drinks. A surpresa veio com a participação especial do guitarrista Léo Amoedo e a cantora Liz Rosa.

Foi a mais longa atração da noite, talvez por isso causou um pouquinho de cansaço, mas ajudou as pessoas a prestarem mais atenção no ambiente praiano que estávamos inseridos.

THE VOICE

Willie Walker e público
Público se agitou com Willie Walker.

O cartão de visitas de Willie Walker foi simples: abrir aquele vozeirão potente e rouco. O cantor americano definitivamente foi o grande destaque da noite e mostrou porque é comparado com James Brown. Cantando sucessos como Let’s Stay Together, Willie veio acompanhado com os músicos Yuri Prado (bateria), Rodrigo Mantovani (baixo), Raphael Dantop (teclado) e Nicolas Simi (guitarra).

Willie Walker
Willie Walker em sua primeira passagem pelo nordeste brasileiro.

Ele acabou revelando que era a sua primeira vez no nordeste brasileiro e logo em Gostoso!

O cantor ainda brincou com os que o assistiam e deram muitos motivos para quem sabe virarmos fãs do Soul e da Music americana.

O Contador segue de olho no Fest Bossa & Jazz. Até qualquer hora!

Fonte consultada: G7 Comunicação.

FEST BOSSA & JAZZ COMEÇA EM GOSTOSO COM WORKSHOPS, CONFIRA ATRAÇÕES DESTA SEXTA-FEIRA (27)

Evento está pelo segundo ano consecutivo acontecendo no município com várias atrações; Willie Walcker fecha primeiro dia.

POR AILTON RODRIGUES
SÃO MIGUEL DO GOSTOSO/RN

13321829_561658354019426_8724308862313540614_n
Palco montado nas areias da Praia da Xêpa (Foto: Janielle Linhares).

O Fest Bossa & Jazz começou oficialmente em São Miguel do Gostoso nesta sexta-feira (27) com oficinas e workshops de fotografia e fabricação de instrumentos com materiais reciclados no Centro de Cultura de fotografia nos turnos matutino e vespertino.

O palco Gostoso Jazz também já está armado, acontecem passagens de som desde às 16h e sobem quatro artistas, logo mais à noite: Dani Cruz, Hamleto Stamato com participação de Paulinho Trompete, além da atração internacional Willie Walcker.

O Contador acompanha o Fest e conta tudo para você. Até qualquer hora!