Arquivo da categoria: Cultura

ARRASTAPÉ DA DONA OLÍMPIA

Maratona de arraiais em São Miguel do Gostoso já começou.

ATENÇÃO: Donzelas e disdonzeladas, viúvas e divorciadas, no desespero apele pra Santo Antônio, porque de for pra São Jorge só aparece Dragão!

POR RICARDO ANDRÉ
SÃO MIGUEL DO GOSTOSO/RN

A maratona de arraiais  começou ontem (13) Dia de Santo Antônio “O Santo Casamenteiro”, na Escola Estadual Olímpia Teixeira  com o Arrastaspé da Dona Olímpia, que esse ano trouxe o tema: “Cordel de Encantos e Belezas Mil”.

Além das comidas típicas e do forró – que ficou por conta de Müller Show – o destaque do evento foi o conteúdo cultural que trouxe uma ótima produção voltada para cultura popular, com uma bela apresentação de cordel e a dramátização do famoso cordel “A chegada de Lampião no Inferno”.

08aa6fde3b1519423ce1c4e41eafe852
Capa de A Chegada de Lampião no Inferno
19181900_10207186274854688_1180370290_o
Casamento Forçado não podia faltar.

O outro ponto forte dessa abertura dos arraiais em Gostoso foi a quadrilha matuta que reuniu 20 casais, incluindo alunos e professores. Claro que não faltou o casamento matuto que foi uma das atrações da noite encrementado por um bélissimo painel com xilogravuras inclusive dos santos conhecidos das festas juninas.

A noite foi encerrada com o tracional sorteio de Balaio junino e o resultado da gincana junina que arrecadou 377 kg de alimentos, convertidos em 33 cestas básicas, além é claro de muito forró.

Igreja
Anuncio na Igreja de Santo Antônio montada pra o evento.

 

PROJETO RETRATO DA COMUNIDADE VAI VIRAR LIVRO

O projeto Retrato da Comunidade vai virar livro e seu lançamento esta previsto para o primeiro semestre de 2017.

POR RICARDO ANDRÉ
SÃO MIGUEL DO GOSTOSO/RN

O idealizador do projeto Retrato da Comunidade, Ariclenes Silva, fez um grande anuncio nesta última sexta-feira (09) em relação ao projeto Retrato da Comunidade: ainda neste semestre as imagens que captam as emoções dos distritos serão impressas em um livro que leva o mesmo nome do projeto.

O detalhe é que só serão 100 exemplares disponibilizados para venda no valor de 65 reais. O livro de 150 páginas vai reforçar o objetivo que o Retrato da Comunidade carrega em suas entranhas:

“Mostrando a outra face de São Miguel do Gostoso, seus personagens e histórias”, afirmou o autor.

Como amostra grátis, Ari nos mandou uma das imagens que estarão presentes no livro, veja:

19

O projeto foi realizado inicialmente em entre fevereiro e abril de 2015 pelos fotógrafos Ariclenes Silva e Fernando Miranda com o apoio do CDHEC e com a participação do seu ex-professor de oficina, Teotônio Roque, curador da primeira exposição do projeto. Isso mesmo, o projeto rendeu uma exposição com 20 obras que aconteceu em 24 de abril de 2015 no Centro de Cultura e em seguida circulou por pontos da cidade e mais tarde exibido na Feira de Ciências, Tecnologia e Cultura (Cientec) na UFRN.

Mas não parou por ai. Em 2016 o projeto teve uma segunda fase onde seguiu adiante retratando as comunidades rurais de São Miguel do Gostoso, sempre com foco em seus personagens e suas histórias, só que dessa vez “O Contador de Causos” fez o registro textual das viagens que você pode ver clicando aqui. ou acessando a galeria especial clicando aqui.

O GRITO FIEL DE MIGUEL – AUTO DE SÃO MIGUEL ARCANJO

Com a direção do empreendimento Café com Leite e mais uma realização do espaço TEAR e a Paróquia de São Miguel do Arcanjo. Este ano os gostosenses, apreciarão a história do Arcanjo padroeiro da cidade e que da nome ao município.

 por AUXILIADORA RIBEIRO e AIRIS VITAL

     14556510_10202091437165095_8958368846339984323_o

     A Paixão de Cristo e o Auto de Natal já são eventos carimbados no calendário do município, este ano insere-se mais um, o Auto de São Miguel Arcanjo para ajudar abrilhantar a festa do padroeiro da cidade que ocorrerá no dia 29 e 30 de setembro, daqui exatamente a 5 meses. Estimasse a participação aproximada de 100 pessoas envolvidas, desde o processo de pré-produção até a pós-produção. A proposta do auto foi induzida pelo Pároco João Maria dos Anjos para a jovem Auxiliadora Ribeiro, que depois de lê os dois livros História do Mundo dos Anjos e São Miguel Arcanjo a Batalha Final, presente do próprio. Redigiu as primeiras versões do roteiro e desde então, vem junto a equipe do Café com Leite aprimorando um projeto de engajamento social, focando principalmente no público jovem.

      Pretende-se dá continuidade ao trabalho iniciado em 2007 pelo Pe. Fabio dos Santos, durante o processo de criação da paróquia, através de atividades sociais voltadas para a restauração da imagem de São Miguel Arcanjo (séculos XIX) – reconhecendo a imagem como patrimônio histórico cultural – trabalhando a memória e a identidade do lugar. Visando resgatar o legado histórico do lugar, o projeto quer identificar e formar novos atores sociais e protagonistas juvenis para que disseminem, inovem, movam a identidade histórica cultural do município de São Miguel do Gostoso e Região – Mato Grande. Efetivando direitos e prevenindo através da arte a inação de uma faixa-etária que carrega em si muita energia, e tal energia precisa ser canalizada em ações produtivas para si e para a comunidade.

A imagem pode conter: 3 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé e texto
Equipe Café com Leite: Auxiliadora Ribeiro, Rozangela Modesto e Airis Vital.da

“Este espetáculo não é um mero espetáculo, e sim um projeto de cunho sócio-artístico-cultural através da versão religiosa da identidade histórica deste município. Nada melhor como comemorar os 10 anos de parceria entre o CDHEC e a Paróquia de São Miguel Arcanjo, como o GRITO FIEL DE MIGUEL”, diz as diretoras.

     As inscrições são gratuitas, começa nesta terça-feira (02) na Secretária da Paróquia de São Miguel Arcanjo, que poderão ser realizadas no local da oficina – lembrando que essas serão limitadas. As oficinas serão realizadas nos sábados e domingos, a partir do dia 13 de maio nos turnos: matutino (09h) e vespertino (15h).

      Porém como todo trabalho envolve recurso, eles começaram uma campanha em uma plataforma colaborativa, você pode acessar para contribuir  https://www.catarse.me/auto_de_sao_miguel_arcanjo_78e4?ref=project_link. Lá você encontra diversos modos para ajudar no projeto, como forma de agradecimento eles darão brindes conforme a doação. Dentre eles têm botton, pôster, chaveiro, xicara e camisa, corre lá e contribua com mais um projeto de incentivo social. Além do mais, você poderá acompanhar todo o desenvolvimento do projeto na página do Facebook  https://www.facebook.com/autodesaomiguelarcanjo/ .

Fotos: Ariclenes Silva

O Contador acompanha tudo e conta para você!

MESMO COM CHUVA, PAIXÃO DE CRISTO LEVA CENTENAS DE PESSOAS ÀS RUAS DE GOSTOSO

Espetáculo foi encenado no decorrer da Avenida dos Arrecifes e emocionou o público.

POR AILTON RODRIGUES
FOTOS ARICLENES SILVA

17884380_10202891199038642_4453372624737084666_n

Emocionante e grandioso, assim podemos definir como foi a encenação da Paixão de Cristo em São Miguel do Gostoso nesta última sexta-feira (14), mesmo com chuva o público se fez presente e percorreu os mais de 500 metros de trajeto que dramatizava a história da morte e ressurreição de Jesus.

O elenco tinha uma média de 50 atores, todos estavam ansiosos para que o espetáculo começasse. A articulação para a montagem havia começado desde o domingo de ramos com um intenso trabalho da equipe de figurino encabeçada por Jhony Ribeiro, o que deixou a sede do Espaço TEAR agitada durante a semana para os ajustes.

17917155_10202891272160470_1020930111706043427_o

O grande desafio da produção foi realizar toda a encenação ao vivo e sem nenhum tipo de gravação, além disso ter que considerar que a tão temida chuva tinha grandes possibilidades de aparecer. E ela veio, foi inevitável.

Na medida que a Via-Sacra avançava, a chuva também se intensificava, o ápice foi realmente a crucificação que foi mais dramática e comovente. Apesar do aguaceiro a população já havia vindo precavida com capas e guardas-chuva. O alívio da chuva se deu durante a cena da ressurreição.

Todo o espetáculo durou cerca de 90 minutos, teve a direção de Fernando Miranda e Cinthia Matos. Logo após, quem bombou foram as redes sociais com os comentários da população que prestigiou o evento. Entrando nesse clima que Ariclenes Silva montou uma galeria especial na sua timeline do Facebook, confira AQUI.

17991053_10202891390723434_5029766688547209794_n

Nós conversamos com algumas pessoas da equipe de produção e todas estavam alegras com o resultado. O Espaço TEAR realiza todos os anos grandes eventos que valorizam a cultura municipal, o próximo projeto a ser desenvolvido é o Auto de São Miguel Arcanjo que tem previsão de realização para setembro.

O Contador continua de olho. Até qualquer hora!

ESPETÁCULO DA PAIXÃO DE CRISTO PROMETE EMOCIONAR O PÚBLICO MAIS UMA VEZ

Espaço Tear organiza o evento em mais um ano com direito a caminhada nas ruas da cidade para acompanhar os últimos passos de Jesus.

POR AILTON RODRIGUES
SÃO MIGUEL DO GOSTOSO/RN

17389177_10202781462175289_7105688257042893820_o
Ensaios para edição 2017 da Paixão estão a todo vapor. (Foto: Ariclenes Silva)

Nesta próxima sexta-feira (14) a partir das 19h o Espaço Tear apresentará pela terceira vez o espetáculo da Paixão de Cristo pelas ruas da cidade.

Neste ano a saída será da sede do Espaço Tear e percorrerá a Avenida dos Arrecifes até chegar a Igreja Matriz no centro da cidade de São Miguel do Gostoso. O evento é grandioso e conta com mais de 30 atores protagonizando as 15 estações ao longo dos mais de 500 metros de percurso.

A Paixão de Cristo é um dos espetáculos que entraram no calendário de eventos da cidade. O Espaço Tear e o CDHEC promovem outros eventos que elevam a cultura municipal durante todo o ano.

Os ensaios estão acontecendo de forma frenética e a grande novidade é a mudança  dos atores na interpretação dos personagens principais. A direção do espetáculo continua a mesma do ano anterior com Fernando Miranda e Cinthia Matos, os figurinos foram criados por Jhony Ribeiro.

O Contador acompanha tudo e conta para você!

DE NOVIDADES À VETERANOS: CONFIRA OS INDICADOS DO PRÊMIO CDHEC 2017

ONG divulgou neste sábado os indicados da 4ª edição do Prêmio CDHEC que será realizado no dia 11 de março.

POR AILTON RODRIGUES
S.M. DO GOSTOSO/RN

O Coletivo de Direitos Humanos, Ecologia, Cultura e Cidadania (CDHEC) divulgou neste sábado (11) por meio das suas redes sociais a lista dos indicados do Prêmio CDHEC 2017.

A premiação, que já foi denominada de ‘Oscar das iniciativas’, tem previsão para ser realizada no dia 11 de março e destaca 12 nomes (projetos, pessoas e entidades) que foram divididos em quatro categorias. Para chegar a esta lista final, a ONG realizou uma consulta por sugestões de nomes e o feedback foi satisfatório, foram cerca de 70 indicações.

Confira a lista:

CATEGORIA DIREITOS HUMANOS

– Otoniel Baracho

– Sandra Corso

– Espaço TEAR

CATEGORIA ECOLOGIA

AMJUS

– Gostoso Recicla

– Francisca Pinheiro

CATEGORIA CULTURA

– Naldivan Fernandes

– EXPARTEC

– Espaço TEAR

CATEGORIA CIDADANIA

O Contador de Causos

– IDEC

– AGOKS

MUDE TUDO O QUE QUISER

Projeto fotográfico tem exposição em São Miguel do Gostoso até domingo (28).

POR RICARDO ANDRÉ E AIRIS VITAL
SÃO MIGUEL DO GOSTOSO/RN

O Projeto fotográfico Mude Tudo o que Quiser, trás para São Miguel do gostoso, a exposição fotográfica “Arte de Viver”, de Welligton Fugisse,que ocorre no salão do instituto IASNIN, a exposição começou nessa terça-feira (24) vai até domingo (28) .

A exposição é resultado de imagens realizadas em um workshop para aprimoramento de fotógrafos profissionais, a iniciativa surgiu em março de 2015 e se trata de um projeto de cunho independente de Wellington, já passou por vários estados do pais: BA, GO, MA, MG, MT, RN, RJ, PB e PE.  Seguindo o objetivo de ampliar a criatividade de modo integrado, trabalho equilíbrio na vida, carreira e fotografia, o município São Miguel do Gostoso foi escolhido (de acordo com os organizadores do projeto) por ser um ambiente favorável a reflexão , sereno, calmo, e belo.

whatsapp-image-2017-01-26-at-19-26-02

Opinião do Contador

 “Uma boa oportunidade de ver as pessoas de Gostoso […] no dia a dia perdemos a percepção de quem esta em nossa volta, um momento como esse é a oportunidade de exercitarmos esse olhar atencioso. […] Quem conhece as pessoas percebe o trabalho foi focado no bairro do Maceió” – Ricardo André

“O projeto registra o cotidiano da cidade de São Miguel do Gostoso em sua versão mais simples e espontânea, entre os laços familiares e o trabalho. A penúltima exposição realizada na cidade focalizou as comunidades do municipio e pretigiar uma dentro do municipio, leva o olhar dos visitantes além do turismo ” – Airis Vital

whatsapp-image-2017-01-26-at-19-33-36

“A exposição mostra o que são Miguel do Gostoso tem de mais belo: às pessoas e seu cotidiano simples e feliz. […] Muitas vezes até mesmo nós não damos conta da beleza que existe em São Miguel além das praias e o mar, acredito que a exposição quer mostrar essa outra face, às pessoas.” – Ariclenes Silva