PROJETO DA AMJUS ESTÁ SELECIONANDO OFICINEIROS, VEJA COMO PARTICIPAR

POR PORTAL DA AMJUS
SÃO MIGUEL DO GOSTOSO/RN

asa-branca-pipa-3

A AMJUS está fazendo uma chamada pública voluntária e simplificada para ocupação de três vagas para oficineiros no Projeto Social Ventos de Asa Branca, um projeto a ser realizado pela AMJUS com o patrocínio da Empresa ContourGlobal, nos municípios de João Câmara e Parazinho, microrregião do Mato Grande, no Estado do RN. As vagas são para oficineiros ou instrutores nas atividades Arte Sustentável, Música e Esporte Educacional Inclusivo. Veja abaixo o edital de seleção!

PROJETO SOCIAL VENTOS DE ASA BRANCA

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE INSTRUTORES

A ASSOCIAÇÃO DE MEIO AMBIENTE, CULTURA E JUSTIÇA SOCIAL – AMJUS, torna pública a abertura das inscrições do processo seletivo para Oficineiros nas áreas de Arte Sustentável, Música e Esportes no Projeto Social Ventos de Asa Branca que será realizado nas cidades de Parazinho (um polo) e João Câmara (dois polos, sendo um na sede e um na comunidade do campo de Queimadas), Estado do Rio Grande do Norte.

1 – Das Áreas de Atuação e Vagas

1.1 – Independentemente da área, os oficineiros (instrutores) devem possuir habilidade didática; disponibilidade de horários (serão programados), serem maiores de 18 anos e, preferencialmente, mas não exclusivos, moradores dos municípios de João Câmara e Parazinho.

 

2. Das vagas

 

2.1 – Oficineiro de Arte Sustentável – 1 vaga

Trabalhar atividades relativas ao tema sustentabilidade, colocando o meio ambiente e a sociedade de consumo na pauta corrente.

Criar espaços de vivências aliando a arte do teatro ou do movimento à criatividade priorizando a educação para o reaproveitamento de materiais.

Desenvolver produtos artísticos a partir da temática “elementos da natureza e materiais residuais”, reflexão sobre o meio em que vivemos e o nosso papel diante de tantos desafios ambientais.

 

2.1.1 – Carga Horária:

24 horas semanais – 8h em Parazinho e 16 horas em João Câmara.

2.1.2 – Perfil:

• Ser graduado, ou estudante de cursos nas áreas pedagógicas, das ciências, ecologia, ambientais ou de tecnologias.

• Capacidade para planejamento e avaliação das atividades propostas;

• Noções Básicas de Informática (Office).

 

2.2 – Oficineiro de Esporte Educacional Inclusivo (Capoeira, Judô ou Karatê) – 1 vaga

Trabalhar com crianças, jovens e adolescentes, desenvolvendo atividades de Capoeira, Judô ou Karatê nos três polos do projeto (Dois polos em João Câmara e um polo em Parazinho).

Participar da elaboração e execução da proposta pedagógica, bem como desenvolver projetos e atividades em sua área específica de conhecimento. Colaborar nas ações do Projeto Ventos de Asa Branca e sua integração junto à escola, às famílias e às comunidades.

2.2.1 – Carga Horária:

24 horas semanais – 8h em Parazinho e 16 em João Câmara

2.2.2 – Perfil:

• Graduado ou estudante de Educação Física;

• Ser registrado na Federação de Capoeira, Judô ou Karatê do Estado do Rio Grande do Norte;

• Noções Básicas de Informática (Office).

 

Observação: Só será selecionado um instrutor para uma única das três modalidades esportivas.

 

2.3 – Oficineiro de Música (Violão e Flauta) – 1 vaga

Trabalhar com crianças, jovens e adolescentes na área de música/musicalização, mais especificamente no ensino de violão e flauta.

Proporcionar aos grupos um conhecimento amplo da área, desenvolvendo uma formação abrangente que contemple universos distintos do ensino da música.

Valer-se tanto de oportunidades pedagógicas em sala de aula quanto de manifestações culturais presentes na comunidade a fim de promover um trabalho de conscientização e desenvolvimento de potencialidades humanas.

Colaborar nas ações do Projeto Ventos de Asa Branca e sua integração junto à escola, às famílias e às comunidades.

2.3.1 – Carga Horária:

24 horas semanais – 8h em Parazinho e 16 horas em João Câmara.

2.3.2 – Perfil:

• Possuir domínio dos fundamentos da música, tendo um conhecimento amplo de sua história e de suas principais manifestações em diversas culturas;

• Ter conhecimento avançado do ensino de violão e flauta;

• Elaborar, implantar e dirigir projetos de formação de grupos musicais;

• Coordenar apresentações musicais para grupos diversos.

• Noções Básicas de Informática (Office).

 

Observação: o candidato selecionado deverá ter domínios das duas formas musicais.

 

3 – Das Inscrições

3.1 – As inscrições serão realizadas entre os dias 09 e 15/08/2017.

3.2 – Ao participar do processo seletivo o candidato deverá ter a completa ciência das condições estabelecidas neste Edital, sobre as quais não poderá alegar qualquer espécie de desconhecimento;

3.3 – Para inscrever-se, o candidato deverá:

Enviar Curriculum Vitae para amjus@amjus.org.br.

3.4 – A inscrição ocorrerá mediante o envio do Curriculum Vitae pelo e-mail indicado na cláusula

3.3 (Destacar, se houver, experiências em trabalhos voluntários ou remunerados em projetos e ações sociais, principalmente experiência em atividades com crianças e/ou adolescentes).

3.4 – Não será aceita entrega de Curriculum Vitae ou outra forma de inscrição que não seja por e-mail indicado na cláusula 3.3 deste edital.

4 – Das Contratações

4.1 – O candidato selecionado será devidamente informado (por email), até às 15h do dia 15 de agosto de 2017, para comparecer à entrevista que será no dia 18 de agosto de 2017 (horário e local será confirmado no contato), onde tomará ciência dos procedimentos necessários para a sua contratação.

4.1.1 – A contratação terá o tempo de duração do projeto, previsto para 08 (oito) meses, com remuneração de R$ 1.600,00 (hum mil e seiscentos reais), devendo o candidato ter disponibilidade para atividades nos dois turnos nas segundas, quartas e sextas-feiras, um dia em cada polo, e para os encontros de formação e planejamento.

4.1.2 – Os candidatos que não forem devidamente informados até a data e horário previsto na cláusula 4.1, será por não terem sido selecionados

Quaisquer dúvidas podem ser tiradas pelo e-mail amjus@amjus.org.br.

João Câmara – Parazinho/RN, 09 de agosto de 2017.

Comissão de Avaliação e Seleção

Projeto Ventos de Asa Branca

Anúncios