FEZES, INSETOS E INTERDIÇÃO: ANIMAIS CAUSAM TRANSTORNOS NA COMUNIDADE DO BAIXIO

Moradores relatam que já aconteceram até acidentes por causa do grande número de bichos soltos.

POR AILTON RODRIGUES E AIRIS VITAL
BAIXIO, S.M. DO GOSTOSO/RN

WhatsApp Image 2017-03-14 at 20.00.17

Os moradores do Baixio, distrito a cerca de 25 km da sede, estão relatando uma série de transtornos causados por animais que vivem soltos e perambulando pela comunidade.

Esses animais que consistem em ovinos, caprinos e principalmente bovinos estão causando até acidentes. Alguns desses bichos estão sendo alimentados nas vias de acesso ao Baixio, que, por sua vez, são muito estreitas e requer atenção dobrada dos motoristas.

WhatsApp Image 2017-03-14 at 20.00.07
Estradas estreitas são perigo para motoristas lidarem com o gado (Foto: Vanderson Silva)

Um exemplo desses transtornos foi enviado para o Contador por Aldair José, de acordo com ele um boi o atacou enquanto dirigia, ele não ficou ferido, mas o animal quebrou seu retrovisor e deixou um amassado na lateral do automóvel.

“Quem cria esses animais tem que ter propriedade para não ocasionar danos a ninguém, estão criando ilegalmente (…) já deram prejuízos não só a mim”, disse seu Aldair ao Contador.

Outra reclamação pertinente é que durante os períodos de chuva os dejetos causam muito odor, além de moscas e mosquitos. Os insetos acabam invadindo as residências podendo até provocar doenças.

WhatsApp Image 2017-03-14 at 20.00.04
Animais circulam livremente pela comunidade do Baixio (Foto: Vanderson Silva)
WhatsApp Image 2017-03-14 at 20.00.15
Dejetos e insetos também são decorrentes dos animais (Foto: Vanderson Silva)

A vereadora Micarla Catarina (PSB) redigiu um requerimento sobre o caso para que medidas sejam tomadas pelo poder público municipal. O documento foi aprovado e no texto é explicitado que as secretarias de saúde e planejamento tomem providências no intuito de disciplinar os proprietários e garantir o bem-estar dos munícipes do Baixio.

O Contador continua de olho em Gostoso. Até qualquer hora!

Anúncios