O que o Legião Urbana ensina com a música “Pais e Filhos?”

download

Uma das músicas mais famosas de Renato Russo, Pais e Filhos traz a tona diversos sentimentos dessa que é uma das relações mais bonitas do mundo

Olá, pessoal!

A música faz parte do nosso dia a dia e nos acompanham nos mais diversos ambientes, no carro, na rua e até mesmo na escola. Muitas canções, inclusive, tem sido utilizadas para facilitar o aprendizado por parte dos alunos e incentivar, principalmente, ainterpretação de texto.

Em meio a músicas de Chico Buarque de Hollanda e Milton Nascimento, conhecidas por serem utilizadas em larga escala nos processos de aprendizagem, outras opções tem surgido e se destacado no cenário escolar. É o caso das canções do Legião Urbana.

Sempre versáteis, as letras escritas por Renato Russo nos fazem pensar e refletir sobre diversos assuntos. Enquanto algumas envolvem a situação política brasileira, outras, como Pais e Filhos, nos traz uma temática sobre as nossas relações interpessoais.

Famosa pelo verso “é preciso amar as pessoas como se não houvesse amanhã”, a canção, que é até hoje uma das mais famosas e cantadas em todo o país, é conhecida pela letra forte, reflexiva e, ao mesmo tempo, triste.

Presente no álbum de 1989, a música traz diversos temas e perguntas com foco na relação entre pais e filhos – por isso o nome. Apesar de ser declaradamente fictícia, ela retrata diversos traumas e situações vividas nesse tipo de relação, de ambos os lados, o que é possível observar em diversos trechos.

Ao longo da letra, de melodia suave, é possível entender de que forma essa relação entre pais e filhos se dá e como ela muda com o passar do tempo. Enquanto ainda somos pequenos, nos mantemos ali, perto dos nossos pais, embaixo das “asas e saias” de nossas mães. Ao passo que, mais tarde, talvez vamos preferir trocar o colo pelas brigas ou pelas baladas. É como se criássemos um processo de crescimento:do filho pequeno à fase adulta.

Sutilmente, é possível reparar a evolução dessa relação e as mudanças que são acompanhadas pelo crescimento dos filhos, bem como observar que uma hora os papéis podem se inverter e essa, talvez, seja a maior lição da música: nada é para sempre, nem mesmo a forma de se relacionar com as pessoas e as opiniões. Nós somos pequenos em relação ao tempo e ao destino.

Por isso, não faz sentido em acreditar que amanhã será igual a hoje. O hoje deve ser único e vivido tão intensamente quanto os planos futuros do amanhã. Algumas oportunidades, momentos, situações e palavras não voltam atrás e, por isso também, devemos dar valor a quem está ao nosso lado.

Confira abaixo a letra:

Até a próxima!

 

Fonte: Canal do Ensino

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s